15 de dez de 2008

Something to remember

Já era madrugada de segunda-feira quando cheguei em casa. Tirei a camisa e caí na cama extasiado, feliz da vida. Depois do metrô cheio, dos ambulantes em fúria, das filas quilométricas, da chuva interminável, do cheeseburger a oito reais. No meio disso tudo, ainda perdi meu celular veinho, veinho, sem câmera nem pixels. Bobagem. Porque o que pode parecer sacrifício foi nada perto daquele palco maior que o Maraca.
O tic-tac, tic-tac, tic-tac nos telões era meu coração batendo. Fim da contagem regressiva, surge a Rainha do Pop em seu trono, com pompa e espetáculo – Madonna abre as portas de sua fantástica fábrica de doces, a candy shop mais estaile do planeta, de fazer Willy Wonka morrer de inveja. De repente, um Auburn Speedster 851 risca o palco, ao lado de dançarinos tão sincronizados quanto oompa-loompas. Cores, luzes, som, a batida, o ritmo, beat goes on, and on, and on. O público – into the groove. O coração acelera, heartbeat, heartbeat, heartbeat, haja fôlego.
Mas não vou morrer. Die another day. Aparecem uma moçoila com vestido longo e rosa, outra de dominatrix, e mais uma, de noiva. Madonna não é nenhuma delas – é todas. E a cinqüentona tasca um beijaço na garota de branco. Na boca. Safada. Enquanto isso, Mr. DJ põe fogo na pista e prova que music makes the people come together.
A chuva continua, mas fuck the rain, fuck o escorregão, fuck o chão molhado. O Maraca é lindo e la isla, bonita – que Madonna canta rodeada de ciganos festeiros e violinos mais que animados. Palmas, palmas, palmas... até um silêncio reverente, para que a diva se arrisque sozinha em "You must love me", sem playbacks e outras bugigangas eletrônicas. You must love me, you must love me... We do!
E a amamos ainda mais quando ela volta à clássica "Like a prayer". O momento do show. Todos os 75 mil súditos cantam juntos. Pulando, vibrando, suando muito. Orgasmo no maior do mundo. Mas Madonna não tem pena da gente e nos lança outro ray of light. No alvo. O Maraca vira uma nave espacial. Mas time goes by so fast, time goes by so fast... Está terminando. "Give it 2 me" é a última explosão de energia. Game over.

42 comentários:

Nataly Callai. disse...

Apesar de não gostar nada da madonna, li até o final amarradona haha bem escrito, parabéns : )

Edu disse...

Vou ser franco: pra mim ~Madonna é um ASSUNto chatíssimo

Amisadai disse...

caraio
:oo



valeu

http://cabruncoo.blogspot.com/

ligiaferraz disse...

eu não sou fã da madonna, longe disso. mas a tua animação falando desse episódio me fez ler como se eu tivesse lá vivendo tudo contigo.
escreveu muito bem! parabéns! :)

= Camelo Bebo = disse...

Também não curto Madonna,mas o texto ta massa.

Um blog sem limites para o Entreterimento.

http://camelobebo.blogspot.com

cincode5 disse...

cara, tua maneira de narrar misturando o english com o portuguese is very cool... de vdd!

qdo ví que era a Madonna, pensei que ia ser um post super chato, mas ví que me enganei...

ficou style!! heheh!!

meus pesames pelo celular sem pixel!

Andréa disse...

Nossa, quando eu, que não sou tão fã da Madonna, li este texto, desejei ter estado lá para ouvir "Like a prayer" e compartilhar com todos os extasiados esse prazer orgasmático.
Parabéns. Não só à Madonna, mas principalmente a você, Fábio, que me fez sentir isso com suas palavras.

Bjs.

Diva Déa.

Habib Sarquis disse...

Parabéns por esse texto mto bem escrito...me fez ler até o final. Não sou mto fã de Madonna mas realmente o show deve ter sido emocionante.

Bjos - Acesse - www.habibsarquis.wordpress.com

Isa Mangelli º disse...

Apesar de gostar nadinha da Madonna, valeu a leitura do post! Que animaçãoo, muito bem escrito.!

Beijoss!

http://www.isamangelli.blogspot.com/

André disse...

conheço a madonna desde de procura-se susam desesperadamente e surpresa chinesa. ela consegue me dizer menos que o U2 ou os Stones...meia duzia de hits. nada mais. fui.abraços

Jovens Tolos... disse...

É, só que eu nao gosto muito dela, acho as musicas extremamente chatas.

Fabio Thiago disse...

bom texto, texto de quem realmente gosta da madona, pra quem gosta deve ter cido muito bom o show!
abraço

Abel disse...

Queria ter ido rs... Quer dizer, ainda vou ficar querendo por que ela se apresentará nos próximos dias por aqui.

Seja como for, deve ter sido mesmo memorável.

Abçs,
Abel

Ms. Molly Bloom disse...

muito bom.
o texto, adorei.
o show, estou esperando pra sábado, arracar a piruca!

Yo Carmo disse...

Querido amigo avassalador...
De fato, é otimo construir memorias assim... Eu fui ao show da madona d 15 anos atras! e adorei!!!!
posso pedir um favor?
Está disponivel no site guia da barra da tijuca um artigo "Climaterio e a escuta psicanalitica" escrito por mim.
http://www.barradatijuca.com.br/revista/index.php/climaterio-e-a-escuta-psicanalitica/
Por favor, visitem e deixem seus depoimentos.
Divulguem entre seus amigos e peçam que estes repassem aos amigos e assim por diante!
Precisamos de muitos acessos e comentarios!!!
Quebra meu galho ai!
ok.
Valeu a força!

Jovens Tolos... disse...

Nao gosto muito, é poser demais, Merdonna.

Lucas disse...

Bem narrado. D:
Comecei a suar aqui também, hahaha.

grupo gauche disse...

da madonna eu não gosto, mas do texto eu gostei ^^
abraço

Antonoly disse...

Não gosto da Madonna mas o port está escrito de forma Ultramuitolegal!

Luuh♥ disse...

Massa
seu blog

Rubra disse...

Bem escrito!
E Madonna é mara... com certeza deve ter sido um show histórico!

Tђαммy disse...

Que graçinha...Nem gosto da Madonna,mas ir ao show dos sonhos é demais!!
E não exagera, o Willy Wonka é o mestre
XD
Beijos

Gabriel disse...

Huahsudhas...
Essa camisa será pra mostrar pra todo mundo hein ?!
Eu nem gosto tanto da Madonna, mas se que bom que você foi né...E milhares de fãs tb...
Abraços...
(www.seriescom.wordpress.com)

Fernanda disse...

Segundo show de loura-ícone-dos-anos-oitenta a que eu fui (o primeiro foi o da Rainha -- não do Pop, mas dos Baixinhos --, no ano passado). Duas experiências bem diferentonas; ambas coloridaças. Embora eu não seja ou tenha sido fã inveterada da Xuxa ou da Madonna, sou oitentíssima de sangue e, por isso, curti contentemente o xou e o show das divas. A única letra madônnica que eu sabia quase inteira era a de "You must love me"; mui natural: ligada em cinema e TV e totalmente desligada de rádio, meio immaterial girl, nunca aprendi muito bem o que não integrou alguma trilha sonora desse mundo. Faz mal não. Madonna integrou a trilha sonora de todo mundo, somewhere, sometime. Se não na telona ou na telinha, em cada tic-taquice de cada criatura made in the eighties. Valeu a chuvinha nevosa, a espera bagunçada, a capa de plástico garrada no corpo, a capa de plástico mais garrada no corpo ainda depois de todos os hits pulantes, a fumaça mal-educada de todos os fumantes sem-noção. Faz parte, fez parte. Fiz parte!! Gonna live to tell! Valeu, Madonna! The truth is you never left us! Madonna é Maraca! Madonna é mara!!!!!

Dan Pessôa disse...

apesar de não gostar muito de Madonna, tenho consciência de que ela é uma artista e tanto, e domina o palco como poucos...

www.danpessoa.blogspot.com

palavraacida disse...

Quando eu comecei a ler o texto eu juro pra ti que logo pensei é um texto da Fernanda Duarte claro... Mulher... gosta desse tipo de música... deve gostar de Madonna... E tudo mais. Não sei vale de comentário mas o Fábio agora se quiser por fazer textos do seu lado mais "Flora" kkkkk. Brincadeira viu cara você narrou muito bem a caminhada pra um show de um senhora caucasiana que eu nem gosto! Parabéns!

Ps: Antes de ir valeu pela visita no Palavra Ácida... E eu que achei que só eu ia rir do trocadilho do Ronaldo 3G (GGG). Valeu mesmo e volte mais vezes, tanto vocês dois autores do Ultramuito quando vocês fãs deles.

Bonita...Confissões disse...

Adorei!
Quero muito ir ao show, mas acho que não vai rolar... Por motivos pessoais vou ter que passar meu ' ticket felicidade ' para frente.
Sua narrativa, aguçou ainda mais, minha vontade de ver a diva...

Beijos

Erica disse...

Obrigado pelo comentário.
Sobre High School, não cantamos não...apenas dublamos ;)
abraços!
adorei teu blog

Lucas Soares disse...

Sinceramente a Madonna me parece ser ridícula. Só a lista de exigências dela já demonstram isso. Aquela dali só parece ligar para dinheiro. E ainda bem que não gastei o meu com isso.
Mas para quem gosta...

http://esperaemdeus.blogspot.com/

LUCAS DE OLIVEIRA disse...

Muito bem escrito, apesar de eu não ser fã da Madonna.
A personagem do meu blog falou sobre ela de uma maneira bem cômica. Mas querendo ou não, com cinquenta anos ou mais, ela sempre será a rainha para muitas pessoas.

abçs


Lucas de Oliveira
Jornal do Blog
O Renegado

Lucas disse...

Sorte sua ter tido essa chance. Com certeza deve ter valido muito a pena. Flws!

calango azedo disse...

que chatise heim

greatdj disse...

Não to nem aí para o show, mas a sua narrativa foi melhor!
Misturar as músicas com o show foi uma idéia muito criativa!
Parabéns!
Parece ter gostado do show, embora tive notícias de que ela não canta tão bem assim!
Mas isso é detalhe perto do espetáculo.

disse...

Que inveja, não aguento mais ouvir desse show por puro recalque! E pior que só terá outro sabe-se lá quando! Madonna com 70 anos no palco eu vou então! hehehe
www.iwannabeidol.blogspot.com

Balinha* disse...

Comecei achando que era um jogo de futebol.
Então entendi o tic-tac. 10!

Lidi disse...

Nooooooossa!!!! Que inveja de vc, menina!
Queria mto ter ido em um dos shows dela, mas como moro longe de tudo que é interessante, não deu... =/
Bom, seu texto me impressionou mto, adorei a mistura de sua escrita com as músicas da rainha... parabéns!
Beijos

DEIVID FRANÇA disse...

Nossa a cada momento que fui lendo fiquei com vontade de ter ido...
fiquei entusiasmado por você !

Letícia disse...

Pois é, tenho uma série de ressalvas sobre a história toda, mas não vou dizer nada, pq fã é fã e o que vale é respeitar essa emoção toda.
Good for you! : )
Bjs!

Tiago Cervo disse...

Não sou fã da madona, mas conheço muita gente que foi no show aqui no maracanã, de ve ter sido muito legal mesmo.

Grande abraço


http://ccdodia.blogspot.com/

Tiago disse...

Olha, o show dela foi algo inesquecível. Um sonho realizado!

Postei bastante fotos no meu blog, depois dá uma passada lá:
www.mundoglam.com.br

Viviane Righi disse...

Não estou nem aí para o que dizem do talento ou vida pessoal da Madonna. Gosto de suas músicas desde a adolescência! Não que eu seja uma super fã, que acompanha tudo dela. Não sou. Mas imaginei cada detalhe do show que você descreveu e senti como se eu estivesse lá também. Deve ter sido demais!

Abraços...

Gabriel Lezcano disse...

nossa. infelizmente eu não fui. Mas estava de cara pois na tv só mostrou músicasx novas... eu queria ouvir as antigas.
Daí vc escreveu que la isla bonita e like a prayer foram tocadas... daí curti.

Express your self... entre outras!

com certeza deve ter sido animal, mas aqui no MS não vem shows intenacionais.

uma pena.

t+